A Feira onde a maçã Bravo de Esmolfe é rainha há 22 anos

A 22ª FEIRA DA MAÇÃ BRAVO DE ESMOLFE decorreu, no dia 8 de outubro de 2017, no Centro de Exposições de Produtos DOC (Largo de Stº Ildefonso), na localidade de Esmolfe.

Uma iniciativa da Câmara Municipal de Penalva do Castelo e da Junta de Freguesia de Esmolfe, com a colaboração da Promoção de Frutas e Legumes da Beira Alta (FELBA), dedicada à rainha das maçãs portuguesas, a Maçã Bravo de Esmolfe.

O dia iniciou com a Missa Campal, presidida pelo Sr. Padre José António e de seguida a abertura da Feira foi animada pelo Grupo Musical da Casa do Povo de Esmolfe.

Este ano a convidada principal foi a secretária de estado Adjunto e da Justiça, Helena Ribeiro, que sempre acompanhada pelo presidente da Câmara de Penalva do Castelo, Francisco Carvalho e pelo presidente da Junta de Esmolfe, Rogério Craveiro, e demais autarcas, visitaram todos os stands, interagindo assim, com os inúmeros produtores de maçã, vinho “Dão Penalva do Castelo”, Queijo Serra da Estrela e com os agricultores e artesãos presentes no Largo de Stº. Ildefonso.

A Feira contou, também, com a presença do vice-presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Luís Caetano, representante da Direção Regional da Agricultura, Jorge Carreira, vice-presidente da FELBA, Rogério Martinho, presidente e secretário executivo da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, José Morgado e Nuno Martinho, vereadora da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, Teresa Bergher, presidente da Confraria Saberes e Sabores Grão Vasco, José Ernesto, vereadores, entre outras entidades.

Na cerimónia usou da palavra, o Presidente da Junta de Freguesia de Esmolfe, Rogério Craveiro, que salientou as qualidades gustativas e os benefícios da Maçã Bravo de Esmolfe para a saúde. O Vice-presidente da FELBA reforçou a importância da certificação da Maçã Bravo de Esmolfe, pois, permite evidenciar e dar a conhecer ao consumidor a qualidade e a origem do produto. O Presidente da Câmara Municipal de Penalva do Castelo, Francisco Carvalho, salientou que a Feira da maçã Bravo de Esmolfe “é um evento que promove o interior, provando que não é só no litoral e nas grandes áreas metropolitanas que se fazem coisas boas”. Manifestou á secretaria de Estado a sua confiança na saída dos Processos pertencentes ao concelho de Penalva do Castelo da comarca judicial de Sátão para a comarca de Mangualde, “acreditamos que, em setembro 2018, todos os processos que atualmente tramitam na comarca do Sátão, pertencentes ao nosso concelho, vão passar a tramitar na comarca de Mangualde”. Por sua vez, a secretária de Estado, Helena Ribeiro, enalteceu que “dá gosto poder trabalhar com autarcas firmes na defesa dos seus municípios, e ao mesmo tempo construtivos e responsáveis nas propostas que apresentam.” Referiu que já tinha estado em Penalva do Castelo para colocar os “pontos nos is” na “futura organização judiciária desta região”. Evidenciou, também, o enorme orgulho por participar na “Feira da melhor maçã do mundo” e afirmou que o grande desafio a seguir está na divulgação e internacionalização deste produto.

Da parte da tarde, atuou o Rancho Folclórico de Penalva do Castelo e o grupo Sons do Minho, um grupo de música popular de Viana do Castelo, que atraiu ao largo de Santo Ildefonso milhares de pessoas.
Neste evento realizou-se, também, o III Concurso “Delicia de Maçã Bravo de Esmolfe” que teve como objetivo criar ou reinventar um doce ou bolo típico para o concelho.

Participaram 12 magníficos doces/bolos, em que o ingrediente principal e obrigatório era a Maçã Bravo de Esmolfe. O júri, Chef Paulo Cardoso – Restaurante Parador Casa da Ínsua; Chef Helder Ribeiro – Quinta de Cabriz e Professor Mário Dias – Diretor da Escola Profissional de Hotelaria de Manteigas, teve grande dificuldade em eleger os vencedores, dada a qualidade e variedade apresentada pelos concorrentes.
Foram atribuídos os seguintes prémios:
1º Prémio: “Malum – Bolo de Maçã Bravo de Esmolfe” - Gabriela Araújo Cardoso Pina;
2º Prémio: “Crumble cremoso Maçã Bravo” - Elisabete Barbosa Fernandes Claro;
3º Prémio: “Geleia de Maçã Bravo de Esmolfe” - Santa Casa da Misericórdia de Penalva do Castelo.

 

Siga-nos

Acompanhe-nos nas redes sociais:

    

Contactos

  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  232 640 020
  232 640 021/22
  Avenida Castendo, 3550-185 Penalva do Castelo
N 40º 40´33´´ W 07º 42´07´´