Dia Europeu do Enoturismo comemorado na Quinta da Rebôtea

O Município de Penalva do Castelo assinalou o Dia Europeu do Enoturismo, com um programa que pretende ser rotativo e dar a conhecer os produtores engarrafadores do concelho, que têm sido sucessivamente reconhecidos e premiados em diversos concursos nacionais e internacionais – Adega Cooperativa de Penalva do Castelo, Adega da Corga, Casa da Ínsua, Quinta da Boavista, Quinta da Rebôtea, Quinta da Vegia e TavFer Vinhos (Quinta do Serrado).


Este ano, no dia 9 de novembro, a Adega da Quinta da Rebôtea foi a anfitriã do evento e abriu as portas para dar a conhecer as suas instalações e vinhos. A enóloga Raquel Santos e o pai Manuel Santos foram os cicerones principais.

Após a concentração dos participantes e uma breve contextualização histórica sobre a génese da adega, a visita iniciou-se na vinha, onde a enóloga falou sobre as castas utlizadas na produção dos vinhos. De seguida, houve a passagem pelo alambique e lagar de azeite, onde foi possível conhecer, através da experiência de Manuel Santos, o processo de transformação da azeitona. A quinta da Rebôtea além da produção e comercialização de vinhos do Dão possui, desde longa data, o lagar de azeite e a destilaria de aguardente.

Seguiu-se a visita às instalações da adega, onde foi explicado o processo de produção do vinho e observados os lagares.

O terceiro momento da tarde foi dedicado à harmonização dos sabores e aromas locais. A prova foi servida pelas alunas do curso profissional de restaurante/bar do Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo e os presentes tiveram a oportunidade de degustar as seguintes harmonizações: Quinta da Rebôtea-Tinto 2015 com queijo Serra da Estrela amanteigado (Queijaria de Germil); Quinta da Rebôtea - Touriga Nacional 2016 com paio (Quinta de Vale Côvo); Frenético – Tinto 2017 com queijo curado (Queijaria de Germil); Quinta da Rebôtea – Branco 2017 com bolo-rei de maçã Bravo de Esmolfe (Sandra Ferreira - premiada com o 2º lugar no V Concurso Delícia de Maçã Bravo de Esmolfe, inserido na Feira da Maçã Bravo de Esmolfe, do ano corrente); Jeropiga com Queque de Outono (confecionados pelos alunos do curso profissional de restaurante/bar do Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo, no âmbito do V concurso Delícia de Maçã Bravo de Esmolfe, inserido na XXIV Feira da Maçã Bravo de Esmolfe) e o pastel de feijão “Castendo” (Pastelaria Pena D`Alva). Finalmente aguardente (com mel e limão) acompanhada com castanhas.

A presença dos vários produtores no evento revelou-se uma oportunidade de dar a conhecer e promover os seus produtos, de reconhecida qualidade.

O Senhor Vice-Presidente da Câmara, José Laires, agradeceu a todos a presença, reforçando a importância que este tipo de iniciativas tem para o desenvolvimento turístico do concelho, alicerçado nos seus produtos endógenos de excelência. Terminou realçando a união de todos, como fator agregador de esforços no sentido da valorização do Território.

O evento contou ainda com animação musical do Grupo de Cantares de Pindo.

O Dia Europeu do Enoturismo foi instituído em 2009 pela RECEVIN - Rede Europeia de Cidades do Vinho e tem a chancela da AMPV - Associação de Municípios Portugueses do Vinho, da qual o Município de Penalva do Castelo faz parte. O objetivo é divulgar o património, a cultura e as tradições dos territórios que constituem a rede, bem como as suas empresas produtoras de vinho e propostas enoturísticas, contribuindo para reforçar o turismo na Europa em torno do vinho. A RECEVIN une seis centenas de cidades e municípios, na promoção dos seus territórios vínicos.

Siga-nos

Acompanhe-nos nas redes sociais:

    

Contactos

  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  232 640 020
  232 640 021/22
  Avenida Castendo, 3550-185 Penalva do Castelo
N 40º 40´33´´ W 07º 42´07´´